Mudanças no visto australiano de estudante: cursos e qualificação da escola


Estar atento a qualificação da escola e ao tipo de curso será ainda mais importante após as mudanças no visto australiano de estudante 

A escolha do curso e da instituição de ensino é um passo de fundamental importância rumo ao sucesso da temporada de intercâmbio na Austrália, ainda mais com as mudanças no visto australiano de estudante. Os interessados se desdobram para encontrar opções que satisfaçam não só as expectativas quanto à qualidade, mas também ao preço e facilidade de mudança de status de visto em caso de estender a permanência no país.

As mudanças no visto australiano de estudante que acontecerão a partir de 1 de julho, preveem alterações no nível de risco para a escolha das escolas. Não é muita novidade que o Governo da Austrália vem exigindo cada vez mais das instituições de ensino que recebem estrangeiros, o mercado de educação é muito rentável e próspero para o país. Muito dessa preocupação se deve aos altos índices de solicitações de extensão de visto para adquirir mais experiência no país para futuros processos de imigração.

 

O papel das escolas nas mudanças no visto australiano de estudante

As escolas que não querem perder o cadastro na Imigração da Austrália devem manter e elevar a qualidade no serviço prestado para continuar tendo direito a emitir o COE (Confirmation of Enrollment) a quem solicitar o visto australiano de estudante.

A novidade que virá com a mudança no visto para estudantes é que para a aprovação, a nota da instituição impactará no resultado positivo da solicitação. Entretanto, essa nota é restrita ao Governo e o estudante deve se basear na lista oficial para escolher a escola antes de se matricular ou comprar o pacote numa agência de intercâmbio.

Para os casos em que a matrícula ou compra ocorrer para uma instituição que não está na lista, ainda pode-se ocorrer a Imigração ou Departamento de Educação para saber se há nota disponível para essa escola.

 

Mudança de escola ou curso com o mesmo visto australiano de estudante

Após o dia 1 de julho o estudante só poderá solicitar a mudança de curso com o visto de estudante para a Austrália válido se houver progressão acadêmica, no nível de ensino, caso contrário, o estudante pode ter problemas numa futura renovação e corre o risco de ter o visto negado.

As exceções de aplicam para os casos onde a mudança de curso se torna imprescindível para o estudante. Por exemplo, numa mudança de mestrado para doutorado para alteração de diretrizes de métodos de estudos, ou mesmo de tema.

Casos onde a mudança do visto não cumpra nenhuma das novas determinações, um novo visto australiano de estudante deve ser solicitado, onde o aplicante se submete novamente ao crivo da Imigração, correndo o risco de tê-lo negado caso haja desconfiança de manobras para estender o visto até conseguir entrar com o processo de imigração para a Austrália.

 

Critérios de idade para a solicitação do visto australiano de estudante

Para o ingresso em determinados tipos de curso, o estudante deve seguir aos critérios de idade a partir de 1° de julho. Essas medidas determinarão idade mínima para matrícula em cursos de ensino básico e high school em seus diferentes níveis: 9,10,11 e 12, onde as idades máximas passam a ser 16, 17, 18 e 19 anos, respectivamente. Para as crianças que vão ingressar no ensino básico, a idade mínima passa a ser 6 anos.

É importante lembrar que até que essas mudanças para estudante entrem de fato em vigor é possível que o Governo da Austrália divulgue novas informações além do que tem sido veiculado até o momento. Nada que impacte no que diz respeito às exigências e métodos de avaliação de risco. Outro ponto importante é em relação às notas das escolas, que devem ser  reavaliadas semestralmente, fator que interfere no nível de risco.

Para quem prefere passar ileso pelas mudanças deve solicitar o visto australiano de estudante antes de 1 de julho. Para gerar menor impacto na sua solicitação após esta data, uma sugestão é procurar escolas melhores ranqueadas pelos estudantes que já investiram em intercâmbio na Austrália, uma boa escolha que pode inclusive diminuir as exigências durante o processo de solicitação.

 

Saiba mais:

Como Solicitar Visto de Turismo para a Austrália – Passo-a-Passo

Quero estudar mais do que 3 meses na Austrália, informações sobre Visto de Estudante

Veja nossa área de perguntas frequentes também

 

 

Autor: Alexandre Luis Pedrosa – Especialista em Vistos e Educação!

Fale com o autor: alexandre@vistoaustraliano.com.br